Home » Blog » Reclamação de um cliente virtual

Reclamação de um cliente virtual

comprar-roupa-pela-internetPrezados amigos, todos sabem das vantagens que as compras na internet oferecem. Vamos citar algumas delas:

  • Comodidade para escolher e comprar produtos.
  • Comodidade para comprar sem sair de casa.
  • Comodidade para ler comentários sobre os produtos.
  • Não correr risco em sair de casa e ser assaltado (acho que este é o mais forte de todos hoje em dia).

Bom, analisando todos estes fatores fica claro que comprar em uma loja virtual é o melhor negócio hoje dia, correto ? ERRADO !

Existem fatores que não são numéricos e que fazem toda a diferença na compra de um produto. Vamos citar alguns que considero fundamentais.

  • Poder falar com o vendedor ou consultor e ser orientado por uma pessoa experiente qual a melhor opção que se enquadra a você.
  • Poder experimentar o produto na mesma hora.
  • Olhar no olho do vendedor e saber que a negociação está sendo feita entre duas pessoas e não uma pessoa e um computador.
  • Poder negociar o preço.
  • Troca do produto em caso de defeitos.

Bom, é sobre este último que eu quero fazer um comentário.

Fiz uma compra em um grande site de comércio eletrônico, sinceramente nunca tive problemas, mas esta semana estou passando por um “contratempo”.

Comprei um computador com um monitor. A CPU apresentou problemas e entrei em contato com o CHAT da loja que me orientou a armazenar tudo novamente que seria recolhido pela transportadora. Detalhe importante, tudo significa CPU + MONITOR. Foi o que fiz, devolvi tudo e alguns dias depois, para minha surpresa, só recebi de volta a CPU.

Como estamos tratando com uma empresa de grande porte, alguns elementos se perdem nestes processos. Primeiro que a orientação que recebi foi equivocada e depois fui informado pelo mesmo chat que eu deveria ter devolvido apenas a CPU. Para conseguir a devolução ou a troca está sendo um sacrifício, mas acredito que eles vão resolver. O ultimo atendente foi muito prestativo e atencioso e estou aguardando que ele resolva o problema.

Para finalizar este POST, eu acredito sim no comércio eletrônico, mas o contato humano deve existir e os processos de negociação devem ser muito bem elaboradores, para que a loja não se torne um robô que não entenda situações simples de negociações entre as duas partes.

Abraços !

 

 

Twitter-icon Twitter-icon Twitter-icon