Home » Blog » Confiança e comodidade motivam clientes na compra e venda de smartphones usados

Confiança e comodidade motivam clientes na compra e venda de smartphones usados

Empresas especializadas no segmento, como a startup Ziggo, atuam em plataformas específicas de compra e venda, oferecendo agilidade, conforto e segurança

Vender ou comprar smartphones usados não é tarefa simples. As opções mais comuns do mercado – como redes sociais e sites de compra e venda – podem levar mais tempo do que se pretende gastar no negócio e, ao mesmo tempo, oferecer risco aos compradores. Aos poucos, um novo tipo de negócio começa a se estabelecer no Brasil para preencher essa lacuna: companhias especializadas na compra e venda de smartphones criam plataformas específicas para o negócio, oferecendo a possibilidade de se relacionar com uma empresa.

Um exemplo desses é a Ziggo, startup curitibana, pioneira no Brasil por comprar e revender smartphones e tablets das principais marcas do mercado, como Apple, Samsung, LG, Nokia, Sony, Blackberry e Motorola. A companhia desenvolveu uma plataforma na qual os consumidores interessados em vender informam o modelo do aparelho e o estado de conservação, recebendo uma oferta imediata. Os equipamentos multifuncionais passam por inspeção e são novamente colocados à venda na loja da startup, a Ziggo Shop, com garantia de 90 dias.

236857_445385_dscn1485_editUm dos clientes da companhia, o empresário da área de Incorporação Ernesto Pontoni Neto, de 32 anos, usou a plataforma para vender seu smartphone em razão da praticidade, segurança e agilidade. “Não precisei esperar um interessado fazer uma proposta ou manifestar interesse. Simplesmente informei as características do meu celular, recebi o valor informado. Como achei o preço justo, concluí a venda”, afirma. Outro ponto importante para Pontoni foi a confiança em se relacionar com uma empresa. “É fundamental, ainda mais em um processo exclusivo pela internet, sem conhecer pessoalmente os envolvidos”, diz.

Outro consumidor que aprovou a Ziggo foi o modelador 3D Lucas Seixas Terra, de 24 anos, que adquiriu um Ipad. “Normalmente, uso sites de compra e você precisa pesquisar, confiar na reputação de vendedores. Com a empresa, você entra e só precisa escolher. Há também uma sensação de segurança no relacionamento com uma companhia especializada”, diz. “Além disso, mesmo pesquisando em outros locais, não encontrei um preço melhor do que o da Ziggo”, ressalta.

Tendência
Empresas como a Ziggo atuam no chamado recomércio ou comércio reverso, prática que consiste em vender produtos para empresas que os reposicionam no mercado. De acordo com estudo da trendwatching.com – uma das principais empresas mundiais na análise de tendências -, a prática deve se tornar mais comum em todo o globo por três fatores: impulso de comprar, status de adquirir algo novo e, por fim, ser uma solução para clientes com menos dinheiro “em caixa”.

“Notamos um aumento em nossa procura para venda na proximidade do lançamento do Iphone 6. Ou seja, muitas pessoas buscavam vender o seu equipamento e usar os recursos para adquirir um aparelho mais moderno”, afirma Guilherme Macedo Marcondes, um dos fundadores da Ziggo. “Nossa aceitação é cada vez maior em razão da comodidade e porque muitas pessoas preferem não se expor nos sites de compra e venda ou mídias sociais”, acrescenta.

Sobre a Ziggo
Ziggo.com.br é um site de compra de smartphones e tablets das principais marcas do mercado – usados, funcionando ou danificados. Fundada em 2012, a startup atua com o objetivo de promover o consumo sustentável e o mercado de compra de aparelhos eletrônicos usados. A inspiração foi o modelo de negócios bastante difundido na Europa e nos Estados Unidos, conhecido como “recomércio”. Sediada em Curitiba, a plataforma da Ziggo atua em todo o país. Além disso, a empresa desenvolveu um braço sustentável: a Reciclecel, que recebe equipamentos antigos e reaproveita materiais, dando destino correto aos resíduos. Mais informações em www.ziggo.com.br e www.reciclecel.com.br.

Twitter-icon Twitter-icon Twitter-icon